19 de novembro de 2010

Trabalho, pobreza e conflitos sociais em Juiz de Fora no pós-abolição é o tema do livro de Luís Eduardo de Oliveira

Mesa-redonda e lançamento do livro


Os trabalhadores e a cidade:
a formação do proletariado de Juiz de Fora e suas lutas por direitos (1877-1920)

No próximo dia 25 de novembro, quinta-feira, a partir das 19 horas, o contexto socioeconômico de Juiz de Fora na passagem dos séculos XIX para o XX estará em foco no auditório do Museu de Arte Murilo Mendes (MAMM/UFJF), com a realização da mesa-redonda Trabalho, pobreza e conflitos sociais em Juiz de Fora no pós-Abolição e o lançamento do livro Os Trabalhadores e a cidade: a formação do proletariado de Juiz de Fora e suas lutas por direitos (1870-1920). Inseridos no projeto Leituras Temáticas, esses eventos encerram a programação de novembro do MAMM e contam com apoio da Pró-Reitoria de Cultura da UFJF, da Funalfa, do Instituto Cidade e do Instituto Superior de Educação Carlos Chagas (ISECC-FEAP).

A mesa-redonda Trabalho, pobreza e conflitos sociais em Juiz de Fora no pós-Abolição reunirá historiadores há muito vinculados a estes temas: Elione Guimarães (Pós-Doutora em História e pesquisadora do Arquivo Histórico de Juiz de Fora), Jefferson de Almeida Pinto (Doutorando em História e Professor do IF Sudeste MG) e o autor do livro a ser lançado, Luís Eduardo de Oliveira (Doutor em História e Professor do ISECC-FEAP). A proposta é oferecer ao público presente informações e análises instigantes sobre como a população mais pobre foi afetada e procurou reagir e/ou se adaptar às transformações decorrentes da entrada definitiva de Juiz de Fora - principal centro urbano, mercantil e manufatureiro de Minas no limiar da República - na ordem social e econômica capitalista.

Após as exposições e do debate das questões suscitadas pelos presentes, ocorrerá o lançamento do livro.

Publicado com recursos da edição 2009/2010 da Lei Municipal de Incentivo à Cultura (Lei Murilo Mendes), o lançamento de Os Trabalhadores e a cidade é resultado também de uma inédita parceria editorial entre a Fundação Cultural Alfredo Ferreira Lage (Funalfa) e uma das mais importantes editoras acadêmicas do país, a Editora FGV. Com cerca de 500 páginas e ilustrado com 25 imagens, o livro apresenta análises renovadas sobre os temas que aborda e reúne uma grande quantidade de dados pesquisados por Luís Eduardo de Oliveira nos principais acervos arquivísticos locais entre 2004 e 2008, durante a elaboração de sua tese de doutoramento no Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal Fluminense. Com essa tese, o pesquisador ganhou o Prêmio Pronex/UFF Culturas Políticas 2009 (Faperj / CNPq).

Evento: Mesa-redonda e lançamento do livro Os Trabalhadores e a cidade.

Data: 25 de novembro Horário: 19:00h

Local: Museu de Arte Murilo Mendes (MAMM/UFJF), Rua Benjamim Constant, n.° 790.

Mais informações: Luís Eduardo de Oliveira – (32) 216-5303 / 8824-4421 – luisedua@ig.com.br

Nenhum comentário: