7 de abril de 2010

Resposta à repressão policial de José Serra contra os professores paulistas


Foto histórica da manifestação dos professores paulistas nessa sexta-feira. Merecia capa. O Estadão escondeu-a numa página interna, embora ela fosse da casa, a Agência Estado. Jornalisticamente lamentável. O professor-manifestante interrompeu a sua luta justa por salário e condições de trabalho dignos para socorrer a policial que, funcionalmente, estava ali para coibir o protesto. Lição de humanidade e solidariedade. Felizmente, o ser humano venceu a estupidez, a truculência e o autoritarismo tucanos. A foto, belíssima, é de Clayton de Souza, da Agência Estado.

Nota do Viomundo 1. Escrevi antes de ler o artigo do excelente Leandro Fortes, Brasília, eu vi, que abordou primeiro essa foto. Leia-o. É uma beleza.

Nota do Viomundo 2. A informação de que se trata de um professor é da Agência Estado, que fez a foto.

Nota do Viomundo 3. No portal do governo do Estado de São Paulo, foi postada a seguinte mensagem:

Com relação à foto publicada na grande imprensa de uma policial sendo socorrida, a Polícia Militar esclarece que trata-se da Soldado Erika Cristina Moraes de Souza Canavezi, que foi ferida com uma paulada no rosto e que está sendo socorrida por um policial militar a paisana.

A policial foi atendida no Hospital Albert Ainsten medicada, liberada e passa bem.

A Polícia Militar agradece as manifestações de solidariedade.

Nota do Viomundo 4: Se é um policial à paisana como diz a PM, por que não revelar o seu nome, como fez em relação à soldado ferida.

Nota do Viomundo 5: Alô, Apeoesp e professores. Essa nota da PM procede?

por Conceição Lemes (http://www.viomundo.com.br/)

Nenhum comentário: